Luz Curitibana Lixeiras | Lixeiras Para Condomínios

aumento do lixo nos condomínios durante a pandemia.

Excesso de lixo nas calçadas.

Sabemos que a organização dos resíduos sólidos em condomínios é um desafio para síndicos, administradores, zeladores e moradores.A questão sobre como armazenar, separar e descartar corretamente o lixo possui um viés complexo, pois muitos condomínios não possuem espaço adequado ou limitação do mesmo para acondicionar corretamente os resíduos até o momento da coleta. Vale ressaltar que outro impasse é a carência de educação ambiental coletiva entre os condôminos. Assim, encontrar uma solução eficaz para sistematizar o lixo exige criatividade, responsabilidade ambiental e senso de coletividade.

O cenário do lixo na pandemia.

Há quase um ano vivemos o cenário da pandemia mundial causada pelo vírus da covid-19. E diante deste contexto tivemos que adotar diversas mudanças de comportamento, que incluem o distanciamento social, a prática do trabalho em casa, os estudos a distância e consequentemente as pessoas passaram a ficar mais tempo em suas residências.

Estes novos hábitos também interferiram diretamente no modo de consumo, refletindo na quantidade de lixo gerado. De acordo com a Associação Brasileira de Empresas de Limpeza Pública e Resíduos Especiais (Abrelpe) houve um aumento entre 25% e 30% na quantidade gerada de resíduos sólidos domiciliares. O que leva a compreender que este aumento no fluxo de lixo impacta nos contêineres dos condomínios, fazendo que os mesmos fiquem sobrecarregados com mais frequência.

Oportunidade para os síndicos de organizar os resíduos dos condomínios.

As circunstâncias atuais são uma ótima oportunidade de rever e de metodizar os resíduos gerados nos condomínios, pois a disposição inadequada dos mesmos pode provocar a proliferação de doenças. Fazendo deste momento o ideal para se atentar e buscar soluções eficazes para que o coletivo esteja saudável e praticando corretamente os processos de reciclagem.

Além das orientações básicas sobre separação do lixo, se faz necessário que os síndicos revejam e aprimorem os sistemas de descarte internos e externos dos detritos, pois muitos condôminos estão em casa, assumindo a função de se responsabilizar pelo lixo sem saber exatamente como proceder, o que impacta negativamente na coleta seletiva. 

Ferramentas de educação ambiental.

É possível através dos equipamentos corretos educar ambientalmente condôminos, por isso nesta última década nosso foco em desenvolver soluções ambientais alinhadas as regras do urbanismo são nosso modo de auxiliar síndicos, administradores e construtores através da idealização de espaços, dimensionamento da quantidade de resíduos e dicas comportamentais para que as pessoas adotem posturas educativas e mais saudáveis na relação com o meio ambiente.

O que nos leva a compreender que adquirir lixeiras ambientalmente corretas para os condomínios, vai além de uma simples aquisição, mas sim um processo de introduzir visualmente entre os coproprietários como separar o lixo, e assim, estimular os mesmos a assumirem um posicionamento mais ecológico.

            Lixeiras ecológicas para reciclagem são uma ótima ferramenta para manter o condomínio limpo, evitando complicações de convivência por higiene, e também problemas sanitários, visto que nosso sistema de saúde nacional corre o risco de ficar ainda mais sobrecarregado, este é o momento de estruturar toda a questão sanitária, visando o bem comum entre vizinhos.

Jessica Faria Soares

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sim
WhatsApp
Quer ser atendido(a) agora?